Quinta-feira, 24 de Junho de 2010
Lâmpada incandescente

A lâmpada incandescente (também chamada de lâmpada eléctrica em Portugal) é um dispositivo eléctrico que transforma energia elétrica em energia luminosa e energia térmica.

 

Thomas Alva Edison em 1879 construiu a primeira lâmpada incandescente utilizando uma haste de carvão(carbono) muito fina que, aquecida até próximo ao ponto de fusão, passa a emitir luz.

 

A haste era inserida numa ampola de vidro onde havia sido formado alto vácuo. O sistema diferia da lâmpada a arco voltaico, pois o filamento de carvão saturado em fio de algodão ficava incandescente, ao invés do centelhamento ocasionado pela passagem de corrente das lâmpadas de arco.

Como o filamento de carvão tinha pouca durabilidade, Edison começou a fazer experiências com ligas metálicas, pois a durabilidade das lâmpadas de carvão não passava de algumas horas de uso.

 

A lâmpada de filamento de bambu carbonizado foi a que teve melhor rendimento e durabilidade, sendo em seguida substituída pela de celulose, e finalmente a conhecida até hoje com filamento de tungsténio cuja temperatura de trabalho chega a 3000°C.

 

A sua Construção

Lâmpada Incandescente -
Edison

 

A maior dificuldade encontrada por Swan e Edison, quando tentavam fazer lâmpadas desse tipo, era encontrar um material apropriado para o filamento, que não devia se fundir ou queimar.

Hoje em dia os filamentos são, geralmente, feitos de tungstênio, metal que só funde quando submetido a temperatura altíssima (3422 °C).

Para evitar que os filamentos entrem em combustão e se queimem rapidamente, remove-se todo o ar da lâmpada, enchendo-a com a mistura de gases inertes, nitrogênio e argônio ou criptônio.

As lâmpadas incandescentes funcionam a baixas pressões, fazendo com que o gás rarefeito funcione com um isolante térmico, já que um gás quando recebe energia, tende a expandir antes de esquentar, e como ele está rarefeito ele expande ao invés de esquentar. Mas é claro que como a energia dada a esse gás (aproximadamente 2800 °C ~ 3000 °C) é muito grande ele expande ao máximo e depois começa a transmitir a energia a ele dada. Se não houvesse esse mecanismo, não conseguiríamos conter 3000 °C dentro de um globo de vidro sem fundi-lo e os outros materiais que compõem uma lâmpada.

 

O seu Funcionamento

Quando se aciona um interruptor, a corrente eléctrica passa pela lâmpada através de duas gotas de solda de prata que se encontram na parte inferior, e em seguida, ao longo de fios de cobre que se acham firmemente fixados dentro de uma coluna de vidro. Entre as duas extremidades dos fios de cobre estende-se um outro fio muito fino chamado filamento. Quando a corrente passa por este último, torna-o incandescente, produzindo luz.

 

O seu Rendimento

O rendimento da lâmpada incandescente é minimo: apenas o equivalente a 5% da energia elétrica consumida é transformado em luz, os outros 95% são transformados em calor. Por causa deste desperdício, a União Européia decidiu abolir as lâmpadas incandescentes a partir de 2012. Lâmpadas incandescentes serão abolidas no Brasil a partir de 2010.

fonte:http://pt.wikipedia.org/wiki/L%C3%A2mpada_incandescente



publicado por adm às 16:29
link do post | comentar | favorito
|

.posts recentes

. Novidade Avant: luminária...

. Trocar lâmpada incandesce...

. Use lâmpadas economizador...

. Philips lança lâmpada con...

. Lâmpadas de LED com Wi-Fi...

. Iluminação adequada pode ...

. Nova lâmpada com LED dura...

. As Vantagens das Lâmpadas...

. O que deve perguntar ante...

. Nova lâmpada dura 40 anos...

. Como escolher a lâmpada m...

. UE proíbe fabrico e impor...

. A lâmpada de Edison vai a...

. Uma lâmpada que gera mais...

. Philips apresenta lâmpada...

. Tecnologia LED tende a cr...

. Empresa cria lâmpada de r...

. Óbidos. Investimento em s...

. Nova Lâmpada LED imita a ...

. Microlâmpadas de plasma s...

.arquivos

. Abril 2013

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Junho 2010

. Março 2010

.links
.tags

. todas as tags

.subscrever feeds